NOTÍCIAS

Atacante Ulisses reclama da falta de premiação para artilheiro do Campeonato Maranhense

Atleta atualmente já anotou 7 gols e foi artilheiro outras 5 vezes anteriormente

Durante entrevista concedida esta semana ao podcast Resenha do Muchacho (YouTube), comandado pelo ex-técnico de futebol Raimundinho Lopes, o atacante Ulisses, do Cordino, da cidade de Barra do Corda (MA), mostrou seu incômodo e reclamou da falta de premiação para os jogadores que terminam o Campeonato Maranhense como artilheiros da competição.

O camisa 10 da Onça nesta edição do certame já anotou 7 gols e é um dos artilheiros até esta 11ª rodada, apesar do seu time ser o último colocado na tabela de classificação, com apenas 6 pontos ganhos em 11 jogos disputados. O atleta reclamou justamente porque já foi artilheiro do Maranhense em pelo menos cinco oportunidades: 2012, 2016, 2017, 2022 e em 2021 pela Série B do Maranhense.

“Eu inúmeras vezes fui artilheiro e o único reconhecimento que ganhei foi um troféu. Foram 6 vezes, mas espero que se for da vontade de Deus, com nosso trabalho aqui na terra, a gente possa ser artilheiro novamente e ser reconhecido, um jogador do interior do Maranhão, que não é muito fácil”, reclamou ele.

Ainda neste sentido de premiação ao artilheiro, o líder da Onça seguiu fazendo uma comparação do Maranhense com outros campeonatos não profissionais. “Até no amador os artilheiros ganham de R$ 500 a 2 mil. Inclusive ano passado eu ganhei três premiações e deu mil reais. Quer dizer, até o amador tem premiação em dinheiro e troféu, aqui em 6 vezes eu recebi apenas um troféu”, concluiu Ulisses.

Veja a fala completa abaixo:

Maxsuel Bruno

Mestrando em Educação | Pós-graduado em Gestão Educacional | Pós-graduado em Jornalismo Esportivo | Narrador Esportivo | Radialista | Teólogo | Locutor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo