JUSTIÇA

Dívida milionária faz Receita Federal cancelar CNPJ do Departamento Desportivo do bairro João de Deus

A dívida do DADJD pela falta de transparência chega a aproximadamente R$ 250 mil. Mas os débitos da entidade aumentam se somarmos o IPTU, que ele nunca pagou uma única cota do imposto desde sua fundação

O Departamento Autônomo de Desporto Amador do bairro João de Deus (DADJD) já deve está na mira do Ministério Público do Maranhão (MPMA) há muito tempo. Isso porque a entidade já não declara inserção há mais de 5 anos para a Receita Federal, processo de transparência exigido por lei para entidades filantrópicas. A falta de transparência na declaração levou inclusive a Receita Federal a cancelar o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) da entidade.

A informação foi confirmada esta semana pelo site BMAX no próprio site da Receita Federal, de acesso público a todos. Na certidão de baixa emitida, a Receita justifica o cancelamento do CNPJ por omissão contumaz. Na prática, o DADJD deixou de apresentar suas declarações contábeis junto ao órgão pelo período máximo de 5 anos seguidos.

A dívida do DADJD pela falta de transparência chega a aproximadamente R$ 250 mil. Mas os débitos da entidade não param nestas cifras. Somado o IMPOSTO PREDIAL e TERRITORIAL URBANO (IPTU), o valor do débito total chega a mais de R$ 1 milhão, já que o Departamento nunca pagou uma única cota do imposto em seus mais de 11 anos de fundação.

É tanta macacada no departamento que o site BMAX terá que dividir a pauta em várias matérias. Na próxima, vamos publicar os documentos que comprovam os débitos do DADJD com a Receita Federal e com a Prefeitura de São Luís.

Maxsuel Bruno

Mestrando em Educação Esportiva | Pós-graduado em Jornalismo Esportivo | Narrador do canal Planeta Esportivo | Especialista em Assessoria de Imprensa | Radialista | Teólogo | Locutor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo