ESPORTE

Crias do bairro João de Deus fazem gols decisivos para título do Cordino Esporte Clube

Edrean e Paulo Victor (Dabirolha) são naturais do João de Deus. Eles marcaram gols na vitória do Cordino sobre o IAPE, por 3 a 0, na tarde deste domingo (10), no estádio Castelão

Dois jogadores criados no bairro João de Deus fizeram gols na vitória do Cordino Esporte Clube sobre o IAPE, por 3 a 0, na tarde deste domingo (10), no estádio Castelão. O resultado rendeu o título de campeão do segundo turno do Campeonato Maranhense para a Onça de Barra do Corda (MA).

Edrean, de 26 anos, meia do Cordino, é cria do João de Deus, bairro conhecido por ser um celeiro de jogadores em São Luís. Ele foi o responsável por inaugurar o placar aos 10 minutos do primeiro tempo, com uma pancada de fora da área.

Já Paulo Victor, o popular Dabirolha, fechou o placar da partida, num belo cabeceio, aos 31 minutos do segundo tempo. Ele tem 27 anos e também é natural do bairro João de Deus. O atacante tem passagens pelo Moto Club, Chapadinha e São José, além de Paragominas/PA e do Tapajós.

Ulisses aos 39 minutos ainda do primeiro tempo também marcou para o time de Barra do Corda, na cobrança de um pênalti sofrido por Edrean. Com o triunfo, o Cordino conquistou o título do segundo turno, uma vaga na Série D do ano que vem e enfrentará o Sampaio Corrêa, campão do primeiro turno, na decisão final do Campeonato Maranhense 2022. A primeira partida está marcada para a quarta-feira (13), às 15h30, no estádio Leandrão em Barra do Corda.

Maxsuel Bruno

Radialista pós-graduado em Jornalismo Esportivo. Narrador da BMAX Sports e Planeta Esportivo. Teólogo pós-graduado em Jornalismo Empresarial e Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo